Histórico

A Fankhauser S.A. é uma empresa genuinamente brasileira
que atua desde 1956 na produção de equipamentos agrícolas com
qualidade, tecnologia e facilidade de manuseio.

 

Cada etapa do crescimento da empresa foi construída com compromisso aos clientes, acionistas, funcionários e a comunidade. O alicerce da empresa foi estruturado em cima das necessidades apresentadas pelos agricultores. Atualmente, a empresa desenvolve e produz plantadeiras, semeadeiras, pulverizadores, distribuidores de fertilizantes, carretas graneleiras e plataformas milho. São implementos agrícolas projetados para atender as necessidades de pequenas, médias e grandes propriedades que utilizam tanto o plantio direto quanto o convencional. Acompanhando o desenvolvimento mundial, do plantio a colheita, a FANKHAUSER está buscando oferecer a melhor solução para a agricultura. A Fankhauser, de 2008 a 2014, foi controlada pelo grupo AGROMETAL da Argentina, e em 2014 Pedro Fankhauser retomou 100% das ações da empresa.

A Origem da Família

O emblema da família FANKHAUSER já incluía, em 1746, a figura de um arado, o que mostra que a vocação para a agricultura já a acompanha de longa data.

Historicamente, tem-se conhecimento da existência da família já na Idade Média, por volta de 1200, onde seus componentes habitavam a região de Berna, na Suiça, mais especificamente Fankhaus, situada entre os vales do Emmenthal e Simmenthal.

A vinda ao Brasil se dá em 1937, quando o Sr. Friedrich percebe a iminência da explosão de um novo conflito armado na Europa, pois os dircursos políticos estavam inflamados. Apesar de seu país de origem, a Suiça, manter-se neutro, o patriarca pretendia evitar a repetição do passado recente, quando da Primeira Guerra Mundial.

O Sr. Friedrich trouxe ao Brasil a esposa e seus 7 filhos, estabelecendo-se primeiramente em Curitiba, Estado do Paraná. No ano de 1948 transferem-se para a cidade de Tuparendi, interior do Estado do Rio Grande do Sul, onde aí instalam uma oficina de consertos diversos. Toda a família trabalha unida e, alguns anos após, passam a fabricar esquadrias metálicas.

Primeiros Produtos

Por volta de 1960, demonstrando seu pioneirismo, projetam e passam a produzir ferramentas manuais. Porém, um acordo governamental entre Brasil e Japão permite que sejam importadas ferramentas daquele país, sem impostos. Isso faz com que a produção local seja interrompida, ocorrendo um duro revés para a empresa, que havia investido seus recursos no projeto. Na época, a família já operava com comércio de implementos agrícolas, onde a empresa chamava-se Irmãos FANKHAUSER Ltda.

Seu gênio inventivo, porém, os leva a produzir uma pequena plantadora adubadora de tração animal, no ano de 1961, a qual vem a tornar-se o carro chefe do crescimento da empresa na década.

A pequena plantadora acompanha e é também protagonista da expansão da cultura da soja e da melhoria do padrão de vida do produtor rural na região. Esta prosperidade incentiva a FANKHAUSER a desenvolver novos produtos, como a segadora (foto ao lado) e também uma trilhadeira, além de outros. Porém, com a ascensão das colheitadeiras, estes projetos foram abandonados, ao que a empresa volta-se para o desenvolvimento de semeadoras maiores, de modo a atender à crescente demanda, devido à expansão das áreas de plantio.

Assim, em meados da década de 60, a FANKHAUSER responde aos anseios de maior produtividade na região, lançando uma semeadora-adubadora de 9 linhas de plantio, tracionada por animais.

Chega a Mecanização à Lavoura

Ao final da década de 60, a FANKHAUSER lança sua primeira semeadora tracionada a trator. Tratava-se da Semeadora Adubadora modelo IF 13, que veio a tornar-se o grande sucesso de vendas da empresa nos anos 70 e 80. Milhares dessas máquinas foram comercializadas. Certamente, em alguma fase da vida, a grande maioria dos produtores de grãos deste país já possuiu uma. A partir deste modelo, outros foram desenvolvidos, constituindo-se, então, a linha IF. Essas máquinas sofreram evoluções significativas no decorrer do tempo.

A partir do grande sucesso obtido pelas semeadoras IF, iniciam-se as exportações, atingindo países como o Paraguai, Argentina, Uruguai, Chile e América Central. Alguns desses países continuam com esta parceria até os dias atuais, como a empresa Setac SRL do Paraguai desde os anos 70, Dercomaq S.A do Chile e Chelir S.A do Uruguai desde os anos 90.

A FANKHAUSER pretende manter-se ao lado do produtor rural além do período de semeadura e, para isso, lança uma linha de capinadeiras, a qual é sucesso de vendas enquanto reina o sistema de plantio denominado convencional. Também vieram os distribuidores de uréia para milho.

 

A vez do plantio direto

A Fankhauser foi uma das empresas pioneiras na criação de máquinas para plantio direto. Em 1983, projetou os modelos MST 15.6 e 19.7. Logo após, segue-se a primeira linha de semeadoras com rodas articuladas, a MST-A, o que possibilitou o plantio de arroz sobre taipas, ampliando sobremaneira os níveis de produtividade daquela cultura. A partir de então, as linhas de máquinas para plantio direto foram se sucedendo e novos fabricantes foram surgindo.

Nos orgulhamos muito de termos sido copiados por vários fabricantes que surgiram a partir daí.

Hoje em Dia

Alguns momentos significativos na evolução da FANKHAUSER:

  • FANKHAUSER lança a semeadora adubadora MST-A 28.10, de grande porte, atendendo às necessidades das grandes lavouras.
  • Lançamento da linha 4010 de plantadoras adubadoras de precisão para grãos graúdos.
  • Ampliando o processo de diversificação, a empresa ingressa no segmento de pulverizadores, com a linha 6000.
  • Lançamento das plantadoras adubadoras 5010.
  • Ingresso no segmento de carretas graneleiras, com o modelo 8010. Após, vieram a 8070 e 8080.
  • Conquista da certificação ISO 9002.
  • Em seguida vieram as carretas 8030 abastecedoras de adubo e 8210 forrageiras.
  • Lançamento da semeadora adubadora 3244, autotransportável de grande porte.
  • Lançamento das plantadoras adubadoras 5040 e das autotransportáveis de grande porte, 5050.
  • Criação das carretas-tanque 8040, para várias finalidades de uso na propriedade.
  • Continuando vieram, as Semeadoras-Adubadoras da linha 3000 e 3100 os distribuidores de uréia no sulco 7030 as Multiplantadoras da linha 2100, as plantadoras adubadoras linha 4016, 5030, 4050, 5045, 5046, as semeadoras da linha F-3100, as plantadoras de milho PM-9050 e girassol PG-9050, colhedoras de forragem F-9001, as carretas 8060 graneleiras, os pulverizadores 6080 levante três pontos 800 litros e o modelo 6200 de 2000 litros, a nova linha de Multiplantadoras FM-3090, as carretas linhas 8115, F-1500, F-5500 e F-10000 distribuidoras de fertilizantes a lanço, as Plantadoras Adubadoras Autotransportáveis Linha 5056 e o novo Distribuidor de Fertilizantes F-5000.
  • E os últimos lançamentos foram: Plantadora Adubadora 4005 Máxima, Plantadora 4055 Twin Row, Plantadora Adubadora 5036, Plantadora Adubadora 5048, Semeadora Adubadora IF, Semeadora Adubadora 3092, Semeadora Adubadora Autotransportável 5056 TR, Carreta Multiuso 8100, Carreta Graneleira 8080 Máxima 500, Carreta Graneleira 8065 e 8090.
  • Voltada exclusivamente para a agricultura, a empresa tem como um dos principais objetivos auxiliar o empresário rural na agilidade e conseqüentemente redução de custos de seus processos, pois para a Fankhauser, faça chuva ou faça sol, todo dia é dia de lavoura.